Case Banco Popular – Apps híbridas
9 Jun. 2016

Após o seu rebranding, o Banco Popular pretendia criar uma app transversal a todos os ambientes mobile e apresentar uma nova cara também no digital. Assim, foi lançado à Diamond o desafio de criar aplicações híbridas para o Banco (duas versões distintas para smartphones e tablets), que viessem juntar os serviços disponíveis no website e permitir uma ligação à área de homebanking mais rápida.

Aplicações híbridas: o que são?

No desenvolvimento de apps, poderá optar-se por uma base inteiramente suportada pela linguagem nativa do dispositivo ou por HTML5, já que esta é uma linguagem transversal a todos os tipos de dispositivo móvel, quando disponibilizada num browser (sendo que estas apps se denominam de Mobile Web Apps).

Mas, para além disso, pode optar-se por usar ambas as alternativas, criando-se assim uma aplicação híbrida: permitem o desenvolvimento multiplataforma, ao usar o mesmo HTML para diferentes sistemas operacionais. Este tipo de aplicações apresenta várias vantagens:

• Não sendo necessário construir uma app adaptada a cada linguagem nativa, já que o HTML5 adequa-se a todas, a implementação torna-se mais ágil, económica e simples.

• Elimina a necessidade de conectar diretamente com drivers de outros dispositivos, ao usar APIs e plugins.

• Existe apenas uma framework, o que significa que não se têm de usar múltiplos IDEs com conhecimento especializado.

• A aplicação pode ser disponibilizada em lojas como a App Store ou o Google Play e, ao mesmo tempo, gozar das vantagens do HTML5.

O caso do Banco Popular

Para ir ao encontro daquilo que o cliente pretendia, a Diamond optou por um princípio técnico de HTML5 em solução web, o que significa uma implementação mais rápida e com menores custos, graças à orientação de criação não nativa para cada webshop.

A app foi desenvolvida com recurso à utilização de PhoneGap 3 e o backoffice tem como tecnologia base a framework Lavarel.

Relativamente ao design, a aplicação identifica o tipo de equipamento que está a ser usado – se é um smartphone ou um tablet – e adapta o seu aspeto gráfico ao mesmo.

Apps híbridas Banco Popular

Com esta app, o Banco Popular pretendia dar resposta a uma série de objetivos: potenciar a captação e utilização dos aderentes e não aderentes ao serviço de Banca Multicanal no Mobile, promover uma imagem mais moderna e de maior proximidade aos seus clientes e disponibilizar ferramentas de acesso a um serviço de maior portabilidade e utilidade.

O produto final encontra-se disponível, tanto para iOS, como para Android (versão 4.4 +).